Autores

E. G. Lutz

Conheça este autor

Edwin George Lutz nasceu na Filadélfia, Pensilvânia em 26 de agosto de 1868, tinha três irmãos. Ainda muito jovem seu pai faleceu, seguido por sua mãe, menos de um ano depois. Após o falecimento da mãe os irmãos foram separados, cada um indo morar com um parente. Em algum momento em 1879, Lutz foi matriculado na escola Nazaré Hall, em Nazaré, Pennsylvania. De 1885 a 1887, estudou no Pensilvânia Museum e School of Art Industrial, onde se graduou.

Em 9 de junho de 1892, Lutz recebeu o prêmio Richards pelo melhor trabalho em pena e tinta. Nesse mesmo ano, casou-se com Ellen Ludlam Dangler.
Seus desenhos de animais foram destaque no The Illustrator, de julho 1895.
Depois Lutz mudou-se para Nova York e contribuiu com ilustrações para o jornal de Joseph Pulitzer, The World.

Em 21 de fevereiro de 1900, viajou paar a França e estudou na famosa Académie Julian, em Paris. O tempo em que ficou na Europa é desconhecido, e não foram encontrados registros de seu retorno. Em 1902, suas ilustrações aparecem no The Cosmopolitan. O censo de 1910 registrou-o morando em Nova York, na 70 West 38th Street. Nesse período, Lutz já tinha se estabelecido como artista e ilustrador, e sua esposa, como modista.

Em janeiro de 1910, a Century Magazine publicou um dos seus desenhos. Lutz também era colaborador regular da revista St. Nicholas. Colaborou também para o caderno infantil do The Sun, onde caracterizou sua obra. Estes desenhos foram a base para o seu primeiro livro, What To Draw and How To Draw, em 1913. Em seguida, Lutz lançou Practical Drawing, em 1915, e Practical Art Anatomy, em1918. Outros desenhos apareceram no The Sun e propagandas para as edições de domingo destacavam seu nome. No The New-York Tribune, o seu artigo ilustrado, “Queer Creatures That Fly or Nearly Fly”, foi publicado setembro de 1912. Sua caricatura de Theodore Roosevelt apareceu em julho do mesmo ano num periódico de sátiras políticas de Pulitzer.

Por volta de 1920, Lutz trabalhou com animação. Acredita-se que tenha sido animador, mas desconhece-se onde trabalhou. Lutz aprendeu o suficiente para escrever seu quarto livro, Cartoons Animated, 1920. Este livro introduziu Walt Disney nos fundamentos da animação e foi explorado em detalhes por JJ Sedelmaier, que incluiu uma análise do livro no The New York Times. Michael Sporn compartilhou suas observações sobre a influência de Lutz.

Mais tarde, Lutz lançou os seguintes livros: Drawing Made Easy, 1921, Instead of Scribbling, 1924, Practical Graphic Figures, 1925, Practical Pictorial Composition, 1926, The Motion-Picture Cameraman, 1927, More Things to Draw, (uma sequência de Drawing Made Easy), 1928, Practical Pen Drawing, 1928 e Practical Art Lettering, 1929.

As páginas de domingo de alguns jornais, continuaram a ser preenchidas com ilustrações da mente inventiva de Lutz. As oito páginas de Book of Magic contaram com trabalhos de arte por ele criados. Divorciou-se em 1930, em New Jersey, quando sua ocupação era a de autor de livros de arte. Lutz escreveu mais cinco livros: Practical Landscape Painting in Oils, 1930, Animal Drawing in Outline, 1931, Practical Water-Color Sketching, 1931, Practical Engraving and Etching,1933 e Practical Course in Memory Drawing, 1936. Contribuiu ainda com Everyday Things em American Life: 1607-1776, 1937.

Lutz permaneceu no mesmo endereço até 1940, e acredita-se que tenha falecido em 1945, mas seu obituário não foi encontrado.

Produtos deste autor